Arquivo de novembro \08\UTC 2011

Aiuruoca. Município mineiro campeão em RPPN’s

O município de Aiuruoca, de acordo com informações do Instituto Estadual de Florestas – IEF, é onde observamos a maior concentração de Reservas Particulares do Patrimônio Natural – RPPN’s. Aiuruoca conta com 12 RPPN’s Estaduais já averbadas e um Federal certificada. Além disso, pelo Decreto nº 91.304 de 03/06/1985, nosso município tem 22877 ha. de Mata Atlântica na Unidade de Conservação – UC Federal, APA Mantiqueira e mais 3983 ha. compondo o Parque Estadual da Serra do Papagaio, juntamente com Alagoa, Baependi, Itamonte e Pouso Alto, pelo Decreto nº 39.793 de 05/08/1998. Agradecemos ao Secretário de Desenvolvimento e Turismo de nossa cidade, Javan Senador, pelo envio desta informação.

Como se define uma Unidade de Conservação?

O Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC) define unidade de conservação como “o espaço territorial e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente instituído pelo Poder Público, com objetivos de conservação e limites definidos, sob regime especial de administração, ao qual se aplicam garantias adequadas de proteção.”

Você sabe o que é uma RPPN?

“A Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) é uma área privada, gravada com perpetuidade, com o objetivo de conservar a diversidade biológica. Um termo de compromisso e assinado entre o proprietário da área e o IEF, que verifica a existência de interesse público, e averba a área.

Na RPPN é permitida, conforme o seu regulamento, a pesquisa científica; a visitação com objetivos turísticos, recreativos e educacionais.”

Estamos na APA Mantiqueira. O que é isso?

“As Áreas de Proteção Ambiental (APAs) pertencem ao grupo de unidades de conservação de uso sustentável. São áreas em geral extensas, com um certo grau de ocupação humana, dotada de atributos abióticos, bióticos, estéticos ou culturais especialmente importantes para a qualidade de vida e o bem-estar das populações humanas, e tem como objetivos básicos proteger a diversidade biológica, disciplinar o processo de ocupação e assegurar a sustentabilidade do uso dos recursos naturais.”

Fonte: IEF (http://www.ief.mg.gov.br)

Anúncios

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: